O que acontece se você pegar sua moto, sair das estradas pavimentadas e encarar alguma trilha cheia de lama e desafios? Foi desse jeito, sem muita pretensão, que alguns pilotos deram início ao motocross, no final do século XIX, na Inglaterra. 

Considerado um esporte radical, em que motos esportivas são utilizadas em trajetos off-road, o motocross só ganhou popularidade na Europa nas décadas de 50 e 60, no século seguinte.

Não precisa ficar mais em dúvida. O motocross é um esporte! Mesmo que algumas pessoas usem o termo como sinônimo para motociclismo off-road, é importante ressaltar que ele é apenas mais uma modalidade. 

Por isso, não confunda com Enduro, Trial, Arena Cross etc. Neste outro artigo do nosso blog você pode conferir as características de cada uma.

No Motocross, as categorias são relacionadas às cilindradas e ao tamanho das motos.
Neste artigo, você vai descobrir como funcionam as principais categorias do motocross, quais as regras das competições e os melhores eventos brasileiros. Confira!

Quais são as principais categorias do motocross?

Número de cilindradas permitidas, idade dos competidores e tempo da prova são os pontos que costumam ser alterados de acordo com a categoria de motocross. 

A mesma categoria pode ter regras diferentes, dependendo da competição. Por isso, sempre leia o regulamento. Além de categorias com cilindradas baixas para crianças, existem competições como a MXF, apenas para mulheres.

MX1

Esta categoria é feita para máquinas mais potentes. No Campeonato Brasileiro de Motocross 2018, os competidores devem pilotar motos de 125cc a 250cc, se o motor for de 2 tempos, e de 250cc a 450cc, se for de 4 tempos.

São permitidos competidores de 15 a 55 anos nessa competição. Porém, é importante verificar as regras de cilindradas e idade de outros campeonatos. No campeonato mineiro, por exemplo, a idade mínima para pilotar na MX1 é 16 anos e as cilindradas dos motores de 4 tempos podem começar em 175cc.

MX2

Na categoria MX2 do Campeonato Brasileiro, as motos devem ser de 125cc a 150cc, se forem de 2 tempos, e 250cc se o motor for de 4 tempos. A idade é restrita à faixa dos 14 aos 23 anos.

MX3

Motos com cilindradas entre 125cc e 250cc, no caso dos motores de 2 tempos, ou com cilindradas entre 250cc e 450cc, no caso de 4 tempos, são as que devem competir nessa categoria. 

Quanto a idade, são permitidos pilotos homens com idade a partir de 35 anos e mulheres a partir de 17 anos.

Mini 

Essa é a categoria para as crianças provarem que também podem ser muito boas de roda. Ela é destinada para a faixa etária entre 7 e 12 anos. As cilindradas das motos devem ter entre 59cc e 65cc. Neste outro artigo, você pode descobrir como apresentar essa diversão aos pequenos!

Como funcionam as competições?

No motocross, as pistas costumam ser curtas (com até 1,5 km de extensão) e o percurso é sinalizado com bandeiras. Regras como idade, número de cilindradas e tempo do percurso variam conforme o categoria e o campeonato. 

Veja o significado das principais bandeiras:

  • bandeira xadrez: fim da prova;
  • bandeira amarela: ultrapassagem proibida ou perigo;
  • bandeira com listras amarelas e vermelhas: ultrapassagem e saltos proibidos; 
  • bandeira vermelha: a corrida foi interrompida;
  • bandeira preta: desclassificação de um piloto;
  • bandeira branca com uma cruz vermelha: médicos dentro da pista para ajudar algum piloto.

Quais são as melhores competições do Brasil?

O Brasil é um país perfeito para quem gosta de sair da rotina, curte esportes radicais e quer assistir a campeonatos de esportes radicais. Entre as maiores competições de motocross estão o Campeonato Mineiro e o Brasileiro de Motocross

A boa notícia é que o motocross é um esporte com várias etapas! Nos próximos meses, não devem faltar motivos para tirar a moto da garagem: o Campeonato Mineiro já começou, mas só termina em setembro. 

Agora você sabe que o motocross é um esporte com mais tradição do que parece, não é? Se você considera participar, basta se preparar, treinar e escolher a categoria correta para o seu nível na competição.

Gostou das informações? O que acha de compartilhar esse artigo nas suas redes sociais?