Uma modalidade off-road para quem realmente gosta de aventura — assim é o rally de moto. Com percursos que somam, facilmente, mais de 1.000 km e atravessam cidades, estados e países, essa é uma das competições mais emocionantes de se acompanhar. Além, é claro, de participar. 

Os pilotos passam por diversos cenários e precisam lidar com cansaço, condições climáticas desfavoráveis e acidentes. Mas a beleza dos trajetos compensa o esforço! Com as motos, também partem quadriciclos, carros e UTVs.

Interessado? Neste artigo, você vai descobrir as regras de um rally, a história das principais competições mundiais e qual modelo de moto se destacou por levar os pilotos ao primeiro lugar. Confira!

Como funciona um rally de moto?

Uma das principais características do rally de moto é a extensão dos seus percursos. Existem dois principais tipos: o de etapas e o de regularidade. 

A maioria das competições é a de etapas, dividida em partes a serem cumpridas por dia. O foco é chegar em primeiro lugar. Já nos rallys de regularidade, o importante é manter a velocidade e o tempo de percurso dentro da média estipulada.

Em muitos rallys, são organizadas provas classificatórias para definir a ordem de largada dos competidores. Como as competições são muito grandes, com categorias que abrangem cilindradas e veículos diferentes, é importante ficar sempre atento ao regulamento. 

Qual modelo de moto faz mais sucesso?

A história de um dos modelos off-road mais famosos da Yamaha está intimamente ligada ao maior rally do mundo, o Dakar. A XT500 foi lançada em 1975, com o objetivo de servir às competições de Enduro, mas seu sucesso veio depois de ela levar o piloto Cyril Neveu ao primeiro lugar nas duas primeiras edições do rally.

Ao longo dos anos, o modelo sofreu modificações e batizou uma linha com diversos modelos de Ténéré. Hoje, existem motos Ténéré para diversos esportes, mas a história delas começou nas areias da África.

Quais são as características de uma moto que disputa rallys?

Para enfrentar esse tipo de percurso e aguentar o que aparecer pelo caminho, as motos costumam ser modificadas. Força, suspensão e tanque com maior capacidade são as principais diferenças.

Como a tecnologia desenvolvida para essas motos fez sucesso, algumas características foram parar em modelos urbanos. Um dos exemplos é a suspensão SFF, que separa as funções de cada uma das bengalas e é usada também na Honda CG.

Nesse sistema, uma conta com amortecimento hidráulico e a outra fica com a mola. Isso garante mais leveza e durabilidade às peças — e, em pisos bastante desnivelados, faz diferença.

Quais são os principais rallys de moto do Brasil?

No Brasil, os rallys são muito procurados por quem gosta de misturar a emoção de uma competição com cenários do interior, para se desconectar da rotina da cidade grande. O mais conhecido deles é o Rally dos Sertões.

Em 2018 a competição será realizada em agosto, com largada programada para acontecer em Goiânia (GO). A chegada será em Fortaleza (CE), somando 3.500 km para os pilotos percorrerem. No site do rally você encontra mais informações.

Além do Rally dos Sertões, são famosos o rally nordestino Cerapió — que, em 2018, aconteceu em janeiro —, o Rally Baja Jalapão e o Rally Serra Azul, que acontece no interior de São Paulo.

Como os pilotos se preparam para esses percursos?

Realmente, para encarar tantos desafios em mais de 1.000 km de trilhas, é necessário se preparar muito. A primeira coisa a fazer é o planejamento — isso inclui escolher um modelo de moto adequado, um plano logístico para encarar o percurso e uma equipe de suporte.

Também é importante estar bem preparado fisicamente e fazer provas menores como treino. Além disso, é preciso saber como você vai se alimentar e onde vai descansar, e providenciar peças e equipamentos para manutenção. 

Enfim, agora que você já sabe como funciona o rally de moto, como se preparar para encará-los e por que eles são tão desafiadores, vale a pena conferir se alguma das próximas competições combina com suas folgas. Aproveite para desestressar com o melhor dos remédios: a adrenalina!

E aí, gostou deste post? Que tal conhecer mais sobre outros esportes off-road? Confira aqui as características dos tipos mais conhecidos!