Para alguns uma terapia, para outros um ritual de horas, há ainda quem faça por pura obrigação. Independente de qual seja sua motivação, lavar sua moto é parte da manutenção básica e é extremamente importante para manter sua motocicleta sempre conservada.

Apesar de parecer algo simples, a lavagem da moto envolve vários fatores importantes como, onde realizar a lavagem, cuidados que devem ser tomados para não danificar componentes expostos, e obviamente, a escolha dos melhores produtos para lavar moto.

Conserve sua moto em casa

Além de lavar regularmente sua moto, há outros cuidados que você pode tomar em casa para conservar sua moto.

Começando por um dos cuidados mais básicos, procure manter a moto em local coberto. O sol resseca as partes plásticas e de borracha, além de desidratar o couro do banco e queimar a pintura. A água da chuva oxida os componentes metálicos.

Se possuir animais em casa como cães e gatos, tente manter a moto onde eles não tenham acesso. Os cães tendem a usar as rodas da moto como banheiro, e a urina deles possui um pH ácido e corrosivo. Além disso, seu bichinho pode acabar se queimando no escapamento.

Por último, cuidado ao estacionar em rampas ou em locais que dificultem a passagem de pessoas. Sua moto pode acabar caindo ou sendo derrubada.

Conheça os melhores produtos para lavar moto

Há uma série de produtos que podem ser utilizados para lavar motos. Desde solventes como óleo diesel e querosene, passando por desengraxantes e detergentes, até água quente e o já conhecido sabão neutro.

Apesar de serem utilizados, solventes como óleo diesel e querosene não são indicados. Eles contaminam o meio ambiente, ressecam as partes de borracha como anéis de vedação e retentores como os do cilindro de suspensão, além de deixar uma película oleosa que facilita a adesão de sujeira após a lavagem.

Os desengraxantes são recomendados nos casos em que corrente e conjunto pinhão e coroa se encontram demasiadamente impregnados com graxa velha. Detergentes também são bons aliados para rodas muito sujas e com respingos de graxa e óleo que costumam cair da corrente.

sabão neutro continua sendo um dos melhores produtos para lavar moto. Ele não agride a pintura nem as vedações da moto e desempenha bem seu papel na remoção da sujeira. Outra dica é a utilização de água quente, ela auxilia na remoção de graxas e sujeira pesada.

Confira outros cuidados na lavagem da moto

Além de escolher bons produtos, há alguns cuidados que você deve tomar ao lavar sua moto.

Evite jatos de pressão e não lave a moto no sol. Diferente dos carros, as motos possuem partes elétricas e mecânicas expostas. A água pode entrar e oxidar cabos elétricos e vedações. Ao lavar a moto no sol o sabão ou desengraxante podem secar antes do enxague e manchar a pintura.

Lubrifique bem a corrente da sua moto após a lavagem. A corrente bem lubrificada aumenta o desempenho e garante a vida útil da relação (kit de transmissão). Evite a utilização do famoso “pretinho” nos pneus. O produto pode escorrer para banda de rodagem dos pneus e causar acidentes.

Finalmente, depois de lavar e secar sua moto aplique uma camada de cera. A cera protege contra o sol, excrementos de aves e outros contaminantes que podem danificar a pintura. Contudo, cuidado ao escolher a cera, algumas são abrasivas e podem deixar marcas na pintura. As ceras em spray são muito práticas, porém possuem uma durabilidade de proteção menor.

A escolha dos melhores produtos para lavar moto, cuidados na hora da lavagem e proteção contra as intempéries vão manter sua moto com aspecto bonito e acima de tudo bem conservada. Por isso, aprenda também como escolher o lubrificante para a corrente da sua moto.